foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

alentejo2020

Covid-19: Bombeiros de Portalegre gastam milhares em equipamento de proteção. Direção congratula-se com apoio extraordinário do Governo

Nenhuma descrição de foto disponível.

O presidente dos bombeiros de Portalegre, João Mota Lourenço, congratulou-se com o anunciado apoio extraordinário, de três milhões de euros, para ajudar os soldados da paz a fazer frente à covid-19, sublinhado que nos últimos dez meses já investiram milhares de euros em material de proteção.

 

Em declarações à Rádio Portalegre, o presidente da direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Portalegre, Mota Lourenço, disse que “vê com bons olhos” o apoio do Governo, admitindo que a associação precisa equilibrar as contas.

Mota Lourenço adiantou que, desde o começo da pandemia da covid-19, os bombeiros de Portalegre gastaram milhares de euros, sobretudo em material de proteção individual, sublinhando que “a prioridade sempre foi a defesa dos profissionais que tem estado na linha da frente”.

Segundo o dirigente, até à data, não foi registado nenhum caso de covid-19 no quartel dos bombeiros de Portalegre.

As Associações Humanitárias dos Bombeiros Voluntários (AHBV) vão receber três milhões de euros para o combate à Covid-19

Segundo um comunicado do Ministério da Administração Interna (MAI), este apoio extraordinário, aprovado no Orçamento do Estado para 2021, visa ajudar as AHBV a enfrentar as dificuldades financeiras criadas pela pandemia.

A transferência chega em duas tranches de 1,5 milhões de euros, uma agora e outra em julho.

(Carla Aguiã)