foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

alentejo2020

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Este domingo, 15/12, ouça mais uma Tarde Desportiva a partir das 14h. Destaque para a 4ª j. Taça Grupo JI

Boas Festas - Feliz Natal

Federação Portuguesa da Caça defende colocação de comedouros e bebedouros artificiais nas zonas devastadas pelos incêndios florestais

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, ar livre e natureza

O presidente da Federação Portuguesa de Caçadores (FPC) defendeu hoje a colocação de comedouros e bebedouros artificiais nas zonas devastadas pelos incêndios florestais para ajudar os animais a sobreviver.

 

Para concretizar este projeto, Hélder Ramos, que falava à Rádio Portalegre na sequência da abertura da época venatória, que arrancou este domingo, propõe a criação de um fundo com receitas provenientes da própria atividade cinegética.

O responsável apelou ainda aos caçadores, para evitarem comportamentos de risco, em espaços florestais, como fumar ou fazer fogueiras, que possam provocar incêndios.

Abriu domingo a época de caça a seis espécies migratórias, nomeadamente às rolas, pombos, patos, galinha de àgua, pega rabuda e tordos.

(Susana Mourato)