foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

alentejo2020

Covid-19:Esmagadora maioria dos óbitos no distrito de Portalegre são de idosos residentes em lares

A imagem pode conter: texto que diz "COVID-19 no Distrito de Portalegre"

(Por Gabriel Nunes) - A Covid-19 já provocou a morte a 112 pessoas no distrito de Portalegre, sendo que a esmagadora maioria dos óbitos são de idosos residentes em lares.

 

Os lares das misericórdias de Portalegre, com 15 mortos, e Marvão e Alter do Chão, com 10 óbitos cada um, são exemplo de como a mortalidade associada ao novo coronavírus está a atingir os idosos residentes neste tipo de instituições.

No Alto Alentejo o maior número de mortos (38), associados à Covid-19, observa-se no concelho de Portalegre, seguindo-se Nisa (13), Elvas (12), Marvão (11), Alter do Chão (10), Crato (6), Campo Maior (5), Gavião, Ponte Sor e Avis (3), e Arronches, Castelo de Vide, Sousel e Monforte (2).

Relativamente ao número de casos ativos subiu para 1.642, com Elvas a ser o concelho mais afetado com um total de 384 pessoas infetadas.

Depois de Elvas surgem Campo Maior (256), Ponte de Sor (206), Nisa (136), Portalegre (126), Alter do Chão (115), Monforte (89), Crato (83), Arronches (68), Sousel (43), Gavião (33), Castelo de Vide (32), Marvão (26), Avis (23), e Fronteira (22).

De acordo com os dados divulgados pelos municípios, e atualizados até às 14:00 desta segunda feira, desde o começo da pandemia foram confirmados 4.249 casos de Covid-19 no distrito de Portalegre, havendo 2.607 pessoas que já recuperaram da doença.