foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

Alentejo2020

Portalegre: Enfermeiros do Norte Alentejano entregam abaixo-assinado contra discriminação salarial

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas em pé e óculos graduados

Um abaixo-assinado subscrito pelos enfermeiros especialistas da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA), que se sentem discriminados por não receberem o suplemento remuneratório, foi entregue hoje à administração daquela instituição de saúde.

 

O documento entregue, pelo Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP), com cerca de quarenta assinaturas, corresponde ao número de enfermeiros especialistas que não receberem o suplemento remuneratório a que têm direito, ao contrário de outros colegas da ULSNA, que na mesma circunstância, recebem.

Em declarações aos jornalistas, Celso Silva, do SEP, disse que após a entrega do documento ao presidente do Conselho de Administração da ULSNA, foi-lhe garantido que “até ao final do ano a situação dos enfermeiros ficaria resolvida”.

Celso Silva, que sublinhou “não ter razões para duvidar da administração da ULSNA”, referiu ainda que vão aguardar que a situação de discriminação dos enfermeiros fique regularizada.

(Susana Mourato)